12/06/2010

Uma Epopeia Labrega

Ontem, Domingo, o Moyle sentiu-se mais completo, mais pessoa, mais tudo.
Pela primeira vez na sua vida, o Moyle foi ao centro comercial, a um Domingo, de fato de treino. Foi uma sensação cuja tradução verbal se torna extremamente complicada por um tornado de sentimentos cruzados que tornam as torrentes na Madeira como o suave murmurar de um regato na Primavera.
Ao Domingo, num centro de comercial, de fato de treino... Foi épico!

14 comentários:

Teté disse...

Ah, eras tu??? :)))

É sempre uma excelente ideia, ainda mais ao Domingo, para manter os seguranças alerta com o "labrego" e os "bem vestidos" gamarem à vontade... ;)

Johnny disse...

Boné? CD no retrovisor?

Moyle disse...

Teté,

sim, era eu :)

Moyle disse...

Johnny,

colete reflector "vestido" no banco do pendura.

Shadow One disse...

Tsk! Tsk! Tsk!

Muito pouco elaborado. Negligente até.
Então e a barba por fazer? Os ténis de linha branca? As meias brancas com as raquetes? Os Ray Ban em dia de chuva?

Bom... como foi a primeira vez...

Moyle disse...

Shadow,

a barba por fazer verificava-se mas tens razão, ainda pode ser muito mais do que foi. Mas foi inesquecível, ainda assim. Para mais tarde recordar, ao quentinho no sofá, contando aos netos ao colo e com, marejados de lágrimas, os olhos postos no infinto... ou no infinito ou num naperon de renda em cima da televisão que transmite cerimónias do 13 de Maio.

Jiminy_Cricket disse...

Beimmmmmmm!

Acabei de marcar terapia intensiva depois de ler o teu texto!!!!! Estou em lista de espera (que o tearpeuta é muito ocupado) mas desconfio que se demora muito descompenso dos pipinhos devido à imagem projectada do Moyle... a um domingo... num "shope"... de fato de treino????? É a TREVA!!!!!! ahahahahahahahahahaha

Teté disse...

Bom Ano para ti, Moyle! :)

(todos os dias do ano, evidentemente!)

Teté disse...

"Assim também eu!" estará na Mealhada a 26 de Março, no Cine Teatro Municipal Messias!

Não é bem em Coimbra, portanto! Se calhar ele falou na zona de Coimbra, daí a minha confusão. ;)

Moyle disse...

Jimini,

sabes que, enquanto não cumprisse este desígnio, não me sentiria completamente eu. deve ser como ir a Fátima a pé, imagino, uma peregrinação em versão laica e labrega :)

bebe minis que poupas em psicoterapia :)

Moyle disse...

Teté,

Um bom ano também para ti (todo o ano, claro:))

Moyle disse...

Teté,

mil agradecimentos e um eterno penhor de gratidão :D

Anónimo disse...

Até acho bem desde que não percas nemhuma sapatillha e não vas de chinelos....uma homem bonito como tu fica com qualquer coisita....

Moyle disse...

Anónimo (que eu espero que seja anónima),

qualquer trapito me cai bem... :)