1/14/2008

Pero que las hay, las hay....

O Moyle não queria acreditar em bruxas, pero que las hay...

5 comentários:

black puss in white boots disse...

O menino tenha cuidado com as companhias. A mãezinha nunca lhe disse que nunca se deve falar com estranhos?
Vou mandar o gato gervásio entregar-lhe uma vassourinha, pelo sim, pelo não, não vá o diabo tecê-las.
;)

Pedro Correia ou Poeta Acácio disse...

Pelo sim pelo não, eu acredito que tudo é possível, desde que vi um porco a andar de bicicleta...

TENHO DITO

Moyle disse...

é que ainda por cima o Moyle nem sequer é de intrigas.... (estas reticências com quatro pontos querem mesmo dizer isso)

AcidoCloridrix disse...

Bom Blog que tens aqui,,, parabens pela coragem de dizer o que te vai na mente,,,, abraço, HCL

Moyle disse...

acidocloridrix,

o Moyle agradece as simpáticas palavras, mas continua na dúvida sobre se dizer o que vai na alma é uma coisa boa ou má. fica ao vosso critério.